VI CIDS -2ª e 3ª circular - Programação (preliminar)

07 a 10 de novembro de 2022, Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil

 

 

VI CONGRESSO INTERNACIONAL DE DIALETOLOGIA E SOCIOLINGUÍSTICA
VI CIDS

 

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
07 a 10 de novembro de 2022

Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Brasil

 

 

TERCEIRA CIRCULAR

 

 

Esta Terceira Circular tem como objetivo reiterar informações já divulgadas na Segunda Circular e fornecer orientações pontuais sobre o acesso ao sistema online da Plataforma Mitte Tecnologias, que gerenciará as diferentes etapas da realização do VI Congresso Internacional de Dialetologia e Sociolinguística – VI CIDS.

 

1. Para realizar inscrição no VI CIDS, acesse a página do evento: cids.ufms.br e, dentro da aba “Inscrições”, clique em SISTEMA DE INSCRIÇÃO.

 

2. Período de inscrição:

● 15 de agosto a 15 de outubro de 2022 (com submissão de trabalho – comunicação e pôster)

● 15 de agosto a 05 de novembro de 2022 (inscrição em minicurso e como ouvinte).

 

3. Modalidades de participação:

● Comunicações individuais: professores, pesquisadores e alunos de pós- graduação (stricto sensu e lato sensu). Tempo de apresentação: 20 minutos (15 para apresentação e 05 para discussão).

● Pôsteres (preferencialmente para alunos de Graduação, com indicação do orientador). Deverão ser apresentados em formatação específica, informada no site do VI CIDS e encaminhados, via sistema de inscrição, até 28/10/2022.

● Minicursos (modalidade com inscrição específica, disponível para inscritos ou não no evento, ou seja, a inscrição no minicurso pode ser realizada independentemente da inscrição no evento).

● Ouvinte

 

4. As orientações para apresentação de resumos estão disponíveis na Segunda Circular do VI CIDS (https://cids.ufms.br).

 

5. O valor da inscrição varia de acordo com as datas e categorias (vide quadro a seguir com os valores em reais – o sistema Mitte disponibiliza para estrangeiros a taxa de conversão automática para euro e dólar).

 

 

TAXAS DE  INSCRIÇÃO

 

 

6. Em casos de trabalhos em coautoria, a certificação está condicionada ao pagamento da inscrição pelo(s) coautor(es).

 

7. O pagamento das inscrições será, exclusivamente, por meio eletrônico.

● Brasileiros: empresa PagSeguro, que faculta transações com cartões de crédito e por meio de boleto.

● Estrangeiros: empresa Paypal, que realiza transações com cartões de crédito e débito.

 

Observação: No caso de pagamento por meio de cartão, a finalização da inscrição é liberada de imediato. Já na modalidade boleto, será aguardada a compensação bancária. O sistema de inscrições não permite devolução de valores pagos.

 

8. Respostas não obtidas nas circulares e/ou na página do evento poderão ser obtidas mediante o e-mail: vicids.duvidas@gmail.com

 

A sua participação no CIDS muito nos honrará.

 

 

Comissão Organizadora

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS
Faculdade de Artes, Letras e Comunicação - FAALC Avenida Costa e Silva, s/n

Bairro Universitário

CEP 79070 – 900 – Campo Grande, Mato Grosso do Sul – Brasil
Site: https://cids.ufms.br

Contato: vicids.ufms@gmail.br

 

 

 

-----------------------------------------------------------------------

 

 

SEGUNDA CIRCULAR

 

 

Considerando a mudança de data e de formato do Congresso, assim como as consequentes medidas administrativas que se fizeram necessárias, nesta segunda circular, reiteramos que o VI CIDS – Congresso Internacional de Dialetologia e Sociolinguística será realizado de 07 a 10 de novembro de 2022, em formato remoto, com algumas atividades pontuais no formato presencial, na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, com o tema Variação linguística: contatos interculturais, pesquisa e ensino. O VI CIDS renderá homenagem ao Doutor João Antonio das Pedras Saramago, investigador do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa, e à Doutora Dinah Maria Isensee Callou, docente e pesquisadora da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

 

A programação do VI CIDS contará com quatro conferências plenárias, quatro conferências geminadas, dezesseis mesas-redondas, dezesseis minicursos, comunicações individuais, pôsteres, sessões de homenagens, além de lançamentos de livros/revistas e atividades artístico-culturais, conforme detalhamento no site do evento: https://cids.ufms.br/pagina-inicial/

 

Conferencistas confirmados: Rosario Álvarez Blanco (Instituto da Língua Galega/Universidade de Santiago de Compostela); Rainer Enrique Hamel (Universidad Autónoma Metropolitana Ciudad de México); Vanderci de Andrade Aguilera (Universidade Estadual de Londrina); Jacyra Andrade Mota (Universidade Federal da Bahia); João Antonio das Pedras Saramago (Centro de Linguística da Universidade de Lisboa); Dinah Maria Isensee Callou (Universidade Federal do Rio de Janeiro); Adolfo Esteban Elizaincín (Universidad de la República del Uruguay); Conceição Paiva (Universidade Federal do Rio de Janeiro); Harald Thun (Universidade de Kiel); Dermeval da Hora (Universidade Federal da Paraíba); Gregory R. Guy (New York University); Cléo Vilson Altenhofen (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).

 

As informações sobre as mesas-redondas confirmadas e seus respectivos membros, como também a relação de minicursos previstos e seus ministrantes, estão disponíveis no site do evento.

 

As comunicações orais e os pôsteres deverão estar vinculados ao tema do congresso Variação linguística: contatos interculturais, pesquisa e ensino e deverão se inserir em um dos eixos temáticos – 1. Dialetologia; 2. Sociolinguística; e 3. Interfaces.

 

A previsão de abertura das inscrições (com apresentação de trabalho) para o VI CIDS é 15 de agosto de 2022.

 

O detalhamento das instruções sobre a submissão online de inscrições será divulgado na Terceira Circular e estará disponível no site do evento a partir dessa mesma data.

 

 

Períodos de inscrições

 

● 15 de agosto de 2022 a 15 de outubro de 2022 (inscrições com submissão de trabalho – comunicação e pôster)

● 15 de agosto de 2022 a 05 de novembro de 2022 (inscrições em minicursos)

● 15 de agosto de 2022 a 05 de novembro de 2022 (inscrições como ouvinte)

 

 

Modalidades de apresentação de trabalhos

 

Comunicações individuais:

● Modalidade destinada a professores, pesquisadores e alunos de pós- graduação (Mestrado ou Doutorado).

● O tempo destinado às exposições orais será de 20 minutos (15 minutos de apresentação e 5 minutos de discussão).

 

Pôsteres:

● Modalidade destinada, preferencialmente, a alunos de graduação (em coautoria com o professor orientador), nada impedindo, todavia, que outras categorias também se inscrevam nessa modalidade.

● Os Painéis deverão mostrar uma síntese autoexplicativa do trabalho e deverão ser enviados previamente em formatação específica a ser divulgada no site do VI CIDS. Os painéis aprovados pela Comissão Científica e que atenderem as normas de apresentação ficarão expostos durante todo o período do evento, com acesso livre aos participantes do Congresso.

 

Orientações para a apresentação dos resumos

● Os trabalhos propostos deverão estar vinculados a um dos eixos temáticos do congresso e serem apresentados em uma das línguas oficiais do evento (português, inglês, francês ou espanhol).

● O resumo deverá conter o objeto de estudo, os objetivos, os fundamentos teóricos, a metodologia do trabalho e os resultados obtidos.

● O resumo, para qualquer uma das modalidades, deverá ter as seguintes características: a) limite mínimo de 300 e máximo de 500 palavras; b) fonte: Arial 12; c) palavras-chave: 3 a 5; d) título em CAIXA ALTA e negrito.

 

 

Outras informações sobre apresentação de trabalhos

● A carta de aceite dos trabalhos aprovados pela Comissão Científica será enviada para o e-mail cadastrado pelos participantes.

● Cada participante poderá apresentar duas propostas de trabalho na qualidade de autor e até cinco, na qualidade de coautor. Informar quando o trabalho for em coautoria com o orientador.

● As comunicações orais, aprovadas pela Comissão Científica com base nos resumos, só poderão ser apresentadas por, pelo menos, um dos autores devidamente inscritos.

 

Minicursos

● Atividade destinada a alunos de graduação e de pós-graduação (Especialização, Mestrado ou Doutorado), a professores da Educação Básica ou do Ensino Superior e a outros profissionais interessados.

● Os minicursos oferecidos serão ministrados por convidados que atuam nos eixos temáticos do evento, com carga horária total de cinco horas. A relação será disponibilizada no site do evento.

● A inscrição no minicurso pode ser realizada independentemente da inscrição no evento.

● Os participantes receberão certificado específico, desde que comprovada frequência mínima de 75%.

 

Período e valores das inscrições

● O valor da inscrição varia de acordo com as datas e as categorias, conforme os quadros a seguir.

● Para o pagamento de inscrição de participantes estrangeiros, o sistema de inscrições fará a conversão automática para o REAL, considerando a taxa de câmbio fixa de R$ 5,20, já incluídos os serviços financeiros internacionais.

 

 

TAXAS DE INSCRIÇÃO

 

 

Outras informações

 

● Os interessados em apresentar trabalhos (comunicação oral e pôster) deverão submeter o resumo para apreciação da Comissão Científica, acessando o link “Acesso ao Sistema”, após ter realizado a inscrição.

 

As informações completas sobre as submissões de trabalhos e acessos ao sistema de gerenciamento do VI CIDS, publicações dele oriundas e demais notícias pontuais acerca do congresso estarão disponíveis na Terceira Circular e no site do evento a partir de 15 de agosto de 2022.

 

O VI Congresso Internacional de Dialetologia e Sociolinguística (V CIDS) é promovido pela Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, em parceria com as seguintes instituições: Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Universidade Federal da Grande Dourados; Instituto Federal de Mato Grosso do Sul, Universidade Federal da Bahia, Universidade Federal do Pará, Universidade Federal do Maranhão, Universidade Federal de Santa Catarina, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Universidade de Brasília e Universidade Estadual de Londrina.

 

Solicitamos ampla divulgação do congresso e esperamos vê-los em breve!

 

 

Comissão Organizadora

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS 

Faculdade de Artes, Letras e Comunicação - FAALC Avenida Costa e Silva, s/n

Bairro Universitário

CEP 79070 – 900 – Campo Grande, Mato Grosso do Sul – Brasil 

Site: https://cids.ufms.br

Contato: vicids.ufms@gmail.br

 

 

 

 

 

PRIMEIRA CIRCULAR
Veja aqui

 

_____________________________________________

 

 

PROGRAMAÇÃO – VI CIDS (preliminar)
07 a 10 de novembro de 2022 - UFMS

 

 

 

07 de novembro de 2022 (segunda-feira)

 

8 horas – Abertura

 

8h40min - 9h40min. – Homenagens:

• Dinah Maria Isensee Callou – Universidade Federal do Rio de Janeiro

• João Antonio das Pedras Saramago – Centro de Linguística da Universidade de Lisboa

 

9h50min. 11h – Conferência de abertura:

● Jacyra Andrade Mota – Universidade Federal da Bahia

 

11h10min às 13h10min – Mesas-redondas

 

Mesa 1: Pesquisas sociodialetais em comunidades tradicionais – Marilúcia Barros, Adriana Lúcia de Escobar Chaves de Barros, Ana Suely Câmara Cabral.

Mesa 2: Cartografia de dados geolinguísticos – Silvana Soares Costa Ribeiro (coordenadora); Valter Pereira Romano; Greize Alves da Silva.

Mesa 3: Dialetologia contatual e pluridimensional – Carla Regina de Souza Figueiredo (coordenadora); Joachim Steffen; Marcelo Krug.

Mesa 4: Sociolinguística e Ensino – Silvia Vieira (coordenadora); Eloisa Nascimento Silva Pilati; Clézio Roberto Gonçalves.

 

 

13h10min. às 14h – Almoço

 

 

14h às 15h30 – Conferências geminadas 1:

● Dinah Maria Isensee Callou – Universidade Federal do Rio de Janeiro

● João Antonio das Pedras Saramago – Centro de Linguística da Universidade de Lisboa

 

15h45min às 17h45min – Comunicações individuais

 

18h às 19h30min – Minicursos:

1.  Metodologia da pesquisa dialetal – Marcela Moura Torres Paim (UFRPE)

2.  Fronteira e territoralidade lusófona no Oriente boliviano - Suzana Vinicia Mancilla Barreda (UFMS/CPAM)

3.  Toponímia e ensino - Karylleila dos Santos Andrade (UFT/Palmas)

4.  Toponímia em línguas de sinais: pesquisa e ensino - Alexandre Melo de Souza (UFAC/Rio Branco)

5.  Métodos em Linguística popular: da dialetologia perceptual às práticas discursivas – Marcelo Rocha barros Gonçalves – UFMS/Coxim

6.  Línguas indígenas: pesquisa, políticas linguísticas e ensino – Denise Silva (IPEDI/UFGD)

7.  Del «qué español hay que enseñar» al «cómo presentar cuestiones de variedades lingüísticas» en el ámbito de ELE - Martín Tapia Kwiecien (UNC/Argentina); María Laura Galliano (UNC/Argentina); Renato Rodrigues- Pereira (UFMS/Brasil)

8.  Noções básicas de estatística para Sociolinguística – Bruno Maroneze (UFGD/UFMS)

9.  Línguas em contato e políticas linguísticas – Ruberval Franco Maciel (UEMS/Campo Grande)

10. Mudança linguística em perspectiva funcional – Taísa Peres de Oliveira – UFMS/CPTL

11. Ideologias, crenças e atitudes no uso da língua (gem) – Fabiana Biondo; Patrícia Graciela Rocha – UFMS/FAALC

12. Terminologia e libras - Taynã Araújo Naves; Sandra Patrícia de Faria do Nascimento; Messias Ramos Costa (UFMS/Coxim)

13. Experiências na aplicação de questionários linguísticos em áreas dialetais – Regiane Coelho Pereira Reis (UFMS/FAALC); Marigilda Antonio Cuba (UNIC/Cuiabá).

14. Marcas de uso em dicionários - Fábio Henrique de Carvalho Bertonha (Unesp/São José do Rio Preto),

15. “A dimensão acústica dos sons da língua: noções básicas” – Amanda dos Reis da Silva (UFRB)

16. “Aspectos de paremiologia aplicada” – José Antonio Sabio Pinilla (Universidade de Granada)

17. “Da Dialetologia à Dialetometria: teória, método e análise dialetométrica de atlas” – Fernando Brissos (Universidade de Lisboa) e Vera Lúcia Dias dos Santos Augusto (Faculdade de Caldas Nova)

 

 

 

08 de novembro de 2022 (terça-feira)

 

8h às 10h – Mesas-redondas

 

Mesa 5: Pesquisas relacionadas a Dinah Callou – Silvia Figueiredo Brandão (coordenadora); João Antônio de Moraes; Valéria Neto de Oliveira Monaretto

Mesa 6: Atlas Linguístico do Brasil; estudos lexicais – Conceição de Maria de Araújo Ramos (coordenadora); Felício Wessling Margotti; Maria Socorro da Silva de Aragão

Mesa 7: Línguas em contato e suas implicações linguísticas – Regiane Coelho Pereira Reis (coordenadora); Neusa Inês Philippsen; Cristiane Horst

Mesa 8: Toponímia e variação: discutindo caminhos – Aparecida Negri Isquerdo (coordenadora); Maria Cândida Trindade Costa de Seabra; Matheo Rivoira.

 

10h30min às 12h – Conferências geminadas 2:

● Conceição Paiva – Universidade Federal do Rio de Janeiro

● Adolfo Esteban Elizaincín – Universidad de la República del Uruguay

 

 

12h às 14h – Almoço

 

 

14h às 15h30 – Conferência plenária 1:

• Rainer Enrique Hamel – Universidad Autónoma Metropolitana Ciudad de México.

 

15h45min às 17h45min – Comunicações individuais

 

18h às 19h30min – Minicursos:

1.  Metodologia da pesquisa dialetal – Marcela Moura Torres Paim (UFRPE)

2.  Fronteira e territoralidade lusófona no Oriente boliviano - Suzana Vinicia Mancilla Barreda (UFMS/CPAM)

3.  Toponímia e ensino - Karylleila dos Santos Andrade (UFT/Palmas)

4.  Toponímia em línguas de sinais: pesquisa e ensino - Alexandre Melo de Souza (UFAC/Rio Branco)

5.  Métodos em Linguística popular: da dialetologia perceptual às práticas discursivas – Marcelo Rocha barros Gonçalves – UFMS/Coxim

6.  Línguas indígenas: pesquisa, políticas linguísticas e ensino – Denise Silva (IPEDI/UFGD)

7.  Del «qué español hay que enseñar» al «cómo presentar cuestiones de variedades lingüísticas» en el ámbito de ELE - Martín Tapia Kwiecien (UNC/Argentina); María Laura Galliano (UNC/Argentina); Renato Rodrigues- Pereira (UFMS/Brasil)

8.  Noções básicas de estatística para Sociolinguística – Bruno Maroneze (UFGD/UFMS)

9.  Línguas em contato e políticas linguísticas – Ruberval Franco Maciel (UEMS/Campo Grande)

10. Mudança linguística em perspectiva funcional – Taísa Peres de Oliveira – UFMS/CPTL

11. Ideologias, crenças e atitudes no uso da língua (gem) – Fabiana Biondo; Patrícia Graciela Rocha – UFMS/FAALC

12. Terminologia e libras - Taynã Araújo Naves; Sandra Patrícia de Faria do Nascimento; Messias Ramos Costa (UFMS/Coxim)

13. Experiências na aplicação de questionários linguísticos em áreas dialetais – Regiane Coelho Pereira Reis (UFMS/FAALC); Marigilda Antonio Cuba (UNIC/Cuiabá).

14. Marcas de uso em dicionários - Fábio Henrique de Carvalho Bertonha (Unesp/São José do Rio Preto),

15. “A dimensão acústica dos sons da língua: noções básicas” – Amanda dos Reis da Silva (UFRB)

16. “Aspectos de paremiologia aplicada” – José Antonio Sabio Pinilla (Universidade de Granada)

17. “Da Dialetologia à Dialetometria: teória, método e análise dialetométrica de atlas” – Fernando Brissos (Universidade de Lisboa) e Vera Lúcia Dias dos Santos Augusto (Faculdade de Caldas Nova)

 

 

 

 

09 de novembro de 2022 (quarta-feira)

 

8h às 10h – Mesas-redondas:

 

Mesa 9: Pesquisas relacionadas a João Saramago - Fernando Brissos (coordenador); Fabiane Cristina Altino; Luísa Segura Cruz.

Mesa 10: Dialetologia: algumas interfaces – Josane Oliveira (coordenadora); Américo Venâncio Lopes Machado Filho; Cláudia de Souza Cunha.

Mesa 11: Variação em Línguas de Sinais - Enilde Faulstich (coordenadora); Messias Ramos Costa; Amílcar José Morais.

Mesa 12: Fraseologia e variação– Elizabete Aparecida Marques (coordenadora), Marcela Moura Torres Paim, Salah Mejri.

 

10h30min às 12h – Conferências geminadas 3:

● Harald Thun – Universidade de Kiel

● Dermeval da Hora – Universidade Federal da Paraíba

 

 

12h30 às 14h – Almoço

 

 

14h às 15h30 – Conferência plenária 2:

● Vanderci de Andrade Aguilera – Universidade Estadual de Londrina

 

15h45min às 17h45min – Comunicações individuais 18h às 19h30min – Minicursos:

1.  Metodologia da pesquisa dialetal – Marcela Moura Torres Paim (UFRPE)

2.  Fronteira e territoralidade lusófona no Oriente boliviano - Suzana Vinicia Mancilla Barreda (UFMS/CPAM)

3.  Toponímia e ensino - Karylleila dos Santos Andrade (UFT/Palmas)

4.  Toponímia em línguas de sinais: pesquisa e ensino - Alexandre Melo de Souza (UFAC/Rio Branco)

5.  Métodos em Linguística popular: da dialetologia perceptual às práticas discursivas – Marcelo Rocha barros Gonçalves – UFMS/Coxim

6.  Línguas indígenas: pesquisa, políticas linguísticas e ensino – Denise Silva (IPEDI/UFGD)

7.  Del «qué español hay que enseñar» al «cómo presentar cuestiones de variedades lingüísticas» en el ámbito de ELE - Martín Tapia Kwiecien (UNC/Argentina); María Laura Galliano (UNC/Argentina); Renato Rodrigues- Pereira (UFMS/Brasil)

8.  Noções básicas de estatística para Sociolinguística – Bruno Maroneze (UFGD/UFMS)

9.  Línguas em contato e políticas linguísticas – Ruberval Franco Maciel (UEMS/Campo Grande)

10. Mudança linguística em perspectiva funcional – Taísa Peres de Oliveira – UFMS/CPTL

11. Ideologias, crenças e atitudes no uso da língua (gem) – Fabiana Biondo; Patrícia Graciela Rocha – UFMS/FAALC

12. Terminologia e libras - Taynã Araújo Naves; Sandra Patrícia de Faria do Nascimento; Messias Ramos Costa (UFMS/Coxim)

13. Experiências na aplicação de questionários linguísticos em áreas dialetais – Regiane Coelho Pereira Reis (UFMS/FAALC); Marigilda Antonio Cuba (UNIC/Cuiabá).

14. Marcas de uso em dicionários - Fábio Henrique de Carvalho Bertonha (Unesp/São José do Rio Preto),

15. “A dimensão acústica dos sons da língua: noções básicas” – Amanda dos Reis da Silva (UFRB)

16. “Aspectos de paremiologia aplicada” – José Antonio Sabio Pinilla (Universidade de Granada)

17. “Da Dialetologia à Dialetometria: teória, método e análise dialetométrica de atlas” – Fernando Brissos (Universidade de Lisboa) e Vera Lúcia Dias dos Santos Augusto (Faculdade de Caldas Nova)

 

 

 

 

10 de novembro de 2022 (quinta-feira)

 

8h às 10h – Mesas-redondas

 

Mesa 13: Linguística indígena e a questão da variação – Rogério Vicente Ferreira (coordenador); Andérbio Márcio Silva Martins; Shirley Vilhalva.

Mesa 14: Sociolinguística: teoria e métodos – Raquel Freitag (coordenadora); Lívia Oushiro; Ronald Beline Mendes.

Mesa 15: Línguas de acolhimento – João Fábio Sanches Silva (coordenador); Lúcia Barbosa; Paulo Osório.

Mesa 16: Banco de dados linguísticos – Abdelhak Razky (coordenador), Fabrice Isaac; Daniela Barreiro Claro.

 

10h30min às 12h30min. – Conferências geminadas 4

• Gregory R. Guy – New York University

• Cléo Vilson Altenhofen – Universidade Federal do Rio Grande do Sul

 

 

12h30 às 14h – Almoço

 

 

14h às 15h30 – Conferência de encerramento

● Rosário Álvarez Blanco – Instituto da Língua Galega/Universidade de Santiago de Compostela

 

15h45min às 17h45min – Comunicações individuais 19h – Sessão de homenagens

1. Homenagem a Carlota Ferreira, docente aposentada da UFBA, pelo seu trabalho pioneiro na equipe de produção do Atlas Prévio dos Falares Baianos (APFB) e do Atlas Linguístico de Sergipe I (ALS);

2. Homenagem póstuma a pesquisadores das áreas da Dialetologia/Geolinguística e na Sociolinguística de destaque no Brasil.

 

19h 30min: Solenidade de encerramento

 

 

OBSERVAÇÃO: Os pôsteres ficarão expostos durante o evento com acesso livre para consultas.

 

 

Publicado: 22/4/22
Publicado: 4/8/22
Publicado: 15/8/22

 

**********************************